Como investir em segurança de TI para sua empresa


Investimento em segurança da informação

Lembre-se: para seus dados, a segurança nunca é demais. São muitos os perigos que rondam o mundo da informação. Os ataques cibernéticos sempre estão se reinventando e, por isso, você precisa contar com um time preparado, que evolua também.


Uma equipe pronta para defender suas informações é importante, mas ela precisa de ferramentas para desempenhar suas tarefas. Logo, cabe ao empreendedor investir na segurança de TI. Ele jamais pode encarar esse assunto como irrelevante.


Infelizmente, há empresários que só se dão conta do quão necessária é a segurança de TI quando aparecem prejuízos com os quais não contam. Confira neste artigo como e no que você deve investir a fim de proteger suas valiosas informações.


Por que a segurança de TI é importante?


Dois dos maiores problemas que a falta de segurança de dados traz são financeiros e legais. Senhas, documentos sigilosos e dados de clientes, se vazarem, podem trazer prejuízos monetários e processos judiciais.


Além disso, para que os danos sejam reparados, muitas vezes é preciso parar os trabalhos do dia-a-dia, o que é contraproducente. Alguns dos motivos pelos quais transtornos assim acontecem são a insuficiência técnica e o fator humano.


Segundo um estudo de 2020 da Gartner, apenas 69% das empresas entrevistadas utilizam algum sistema de backup de dados. A pesquisa ainda aponta que 43% dos funcionários não têm treinamento em segurança de TI e que 48% liberam acesso a dados corporativos para mais pessoas do que o necessário.


Esses dados são preocupantes, já que essas falhas de segurança violam as principais condições da segurança da informação: confidencialidade, integridade, disponibilidade e autenticidade.


Leia também: Conheça as principais ameaças virtuais aos dados da sua empresa.


Que atitudes eu devo tomar?


O empresário que quer manter o seu negócio longe de qualquer um desses inconvenientes precisa agir rápido no que se refere à segurança da informação. Veja:


Mantenha seus sistemas atualizados


Essa orientação é aplicável a sistemas operacionais e outros mais específicos, como os ERP. Todo software pode ter vulnerabilidades e brechas na segurança. Por isso as atualizações são importantes. Elas são, geralmente, correções que são aplicadas a fim de bloquear ataques externos.


Os responsáveis de TI precisam ficar atentos ao lançamento das atualizações e providenciar a instalação o quanto antes. Se o software contar com o download automático, é recomendável usar esse recurso.


Providencie backups regularmente


A gestão de TI deve escolher o tipo de backup mais adequado e assegurar a execução dele no intervalo planejado. O ideal é que este seja um procedimento automatizado.

Backups em nuvem, em storages ou em discos externos cumprem bem o papel de proteger dados e são facilmente criados e acessados quando preciso. Isso evita contratempos no caso de ataques e perda de dados por erro humano.


A criptografia é outra maneira de garantir a confidencialidade dos dados quando em trânsito via internet ou rede interna. Ela garante que os dados estejam legíveis apenas no computador destino, tornando a interceptação inútil.


Treine seus colaboradores


Investir no treinamento e conscientização dos colaboradores é muito importante. Saber identificar phishing, evitar o acesso a sites suspeitos e downloads não recomendados são conhecimentos que precisam ser incutidos. A gestão de TI pode se encarregar desse trabalho em parceria com empresas especializadas.


Essas são só algumas das muitas ações de combate às ameaças virtuais. Para se proteger de todas elas, conte com o nosso know-how. Acesse nossa página principal e fique por dentro de tudo o que podemos fazer para manter seus dados a salvo.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo