Quando e como substituir os computadores de sua empresa


Rollout de computadores

Convenhamos que atualmente o sucesso de qualquer negócio depende da agilidade dos funcionários para produzir com qualidade e dentro dos prazos necessários. Em um mundo tão conectado como hoje o uso de computadores é certo na esmagadora maioria das empresas, e ter máquinas eficientes, velozes e seguras, faz muita diferença no desempenho da equipe.


O computador se tornou, há muito tempo, peça central no dia a dia de negócios. Em muitos segmentos de mercado, ele se tornou essencial para todos os setores das empresas, não só o time de TI ou a administração. Gerar valor para clientes e parceiros, superar concorrentes e enfrentar os obstáculos do dia a dia, como a burocracia, requer agilidade, foco e uma boa dose de inovação.


Se você abre um arquivo e ele demora para abrir, sua impressora de uma hora para outra não funciona mais e sua equipe perde mais tempo ligando o computador do que trabalhando de fato. Talvez seja o momento de atualizar o parque de máquinas da sua empresa.


Mas talvez você conheça uma dúzia de empresas que funcionam com máquinas antigas e parecem ter ótimos resultados. Aliás, talvez a sua empresa já se veja na situação de adiar a troca das máquinas há um bom tempo e nunca parou de operar por causa disso.


Isso levanta algumas dúvidas: será mesmo tão importante assim trocar as máquinas antigas? Qual será o efeito disso no dia a dia do meu negócio?


Bem, algumas situações podem ser resolvidas com a substituição ou adição de alguns hardwares, são elas:


Lentidão e travamentos


Esses problemas podem ter origem em softwares com problema, na memória RAM, no HD e até mesmo no processador da máquina.


Com uma análise rápida é possível identificar gargalos no uso da memória RAM do computador, com uso de softwares de limpeza do sistema é possível melhorar o desempenho da máquina, porém se após análise e uso do software a lentidão continuar será necessário partir para outras avaliações, como atualizações de chipset, BIOS, drivers e sistema operacional, avaliação dos pentes de memória, HD e temperatura e desempenho do processador.


Dados corrompidos e ruídos estranhos


Esses são problemas clássicos de HD (Hard Drive), o não reconhecimento do HD, travamentos que só resolvem quando a máquina é reiniciada, lentidão extrema ou a famosa “tela azul da morte” no Windows mesmo após substituição de memória e instalação de drivers também são problemas originários desse hardware e substitui-lo poderá resolver a situação.


A substituição de HDD por SSD dará um ganho significativo de desempenho a máquina e uma vida útil maior.


Leia também: Por que usar SSD?


Superaquecimento e desligamentos inesperados


Esses problemas estão diretamente ligados ao processador, exigindo a limpeza ou substituição do cooler ou uma nova aplicação de pasta térmica entre o dissipador de calor e o processador. Em casos extremos pode ser necessária a substituição do próprio processador.


Importante: Novas peças devem sempre atender as especificações da sua placa mãe, comprar modelos diferentes dos sugeridos pelo fabricante da placa mãe pode não resolver o problema e até mesmo agravá-lo.


O que fazer em caso de persistência de problemas já tratados?


A persistência dos problemas mencionados acima mesmo após a manutenção ou a incidência dos seguintes problemas, indicam que o momento da substituição das suas máquinas chegou:


Lentidão: Se o aparelho leva muito tempo para ligar, abrir arquivos e trava com frequência levando vários minutos para responder, e se seu time de TI já substituiu peças, reinstalou o sistema operacional e não houve uma melhora significativa, esse é um claro indicativo de que é o momento de substituir essa máquina.


Incapacidade de executar ou instalar softwares recentes: Imagine que você adquiriu um novo programa que será essencial para o seu trabalho ou o trabalho de toda a sua equipe e os computadores apresentam dificuldades no momento da instalação e/ou execução desse software. Um problemão, não é mesmo? Isso ocorre porque os seus aparelhos estão obsoletos e não corresponde aos requisitos mínimos de hardware.


Impossibilidade de instalar o sistema operacional mais recente: Digamos que você usa um sistema como o Windows 7 em todas as máquinas da sua empresa e agora que o fabricante não oferece mais suporte a esse sistema, você quer atualizar para a versão 10, por exemplo, mas não consegue pois o hardware da máquina não atende aos requisitos mínimos para a atualização. Manter um sistema obsoleto em sua rede pode deixá-la vulnerável a hackers, além de causar incompatibilidade com as novas versões dos programas que você já usa ou de programas que pretende adquirir.


Excesso de reparos: Sabe quando a sua máquina apresenta problemas frequentes e exige inúmeros consertos em curto espaço de tempo? Esses indicativos demonstram que ela precisa ser substituída, e mantê-la só vai lhe causar custos com compras de peças novas que serão ineficazes e até encarecer a contratação ou renovação de contrato de uma empresa de suporte em TI, por exemplo.


Não importa o tamanho da sua empresa, o seu nicho de mercado, nem há quanto tempo está em operação. A capacidade de inovar e entregar novas soluções para problemas antigos é o que define quem se destaca dos demais. Sempre foi assim e assim continuará.


Perder produtividade e arquivos importantes para a empresa são riscos que você corre ao não atualizar o parque de máquinas do seu negócio. Planejar os investimentos com a área de TI anualmente é uma forma de resolver e até mesmo impedir que problemas como esses ocorram.


Muitas das grandes empresas do mercado têm como política a substituição do parque de máquinas a cada 4 anos, isso garante que os computadores estejam sempre atuais e eficazes. Mas para pequenas e médias empresas é quase impossível fazer troca de máquinas com intervalos como estes. Mas com um bom planejamento é possível realizar as trocas a cada 6 anos pelo menos.


Atualmente muitos fabricantes de computadores oferecem financiamento para compra de máquinas novas com possibilidade de parcelar o valor final da compra em inúmeras vezes e em alguns casos até com garantia estendida sem custos.


Em momentos de troca de máquinas é sempre bom contar com uma consultoria de TI para auxiliar na escolha do perfil de máquina para cada departamento da empresa, isso fará com que você invista nos equipamentos certos, otimizando o seu investimento.


A ICMP Consultoria em TI possui parceria com os principais fabricantes de computadores para uso corporativo do Brasil, entre em contato com o nosso time e solicite um orçamento.

68 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo